Manutenção do imóvel

O imóvel precisa de reparos, o que fazer?
Durante a locação, o papel dos moradores é cuidar do imóvel como se fosse seu, zelando pela estrutura, equipamentos e demais itens que lá se encontram. 
A manutenção de um imóvel é fundamental, tanto para sua preservação, como para o bem estar de seus moradores.


Quais reparos são de responsabilidade do inquilino e quais são do proprietário?
Sabemos que ao longo de uma locação os imóveis podem apresentar problemas das mais diversas naturezas.
A Lei do Inquilinato que rege os contratos de locação deixa bem claro quais reparos são de responsabilidade do inquilino e quais são do proprietário, buscando o equilíbrio na relação entre as duas partes.
Para facilitar o entendimento, veja a política de responsabilidades pelos reparos:

Responsabilidade do inquilino
Limpezas, manutenções preventivas e preditivas de itens de uso contínuo, troca de itens que são facilmente substituídos e reparos de problemas ocasionados pelo dano decorrente do uso indevido do imóvel:
- Troca de soquetes e luminárias.
- Troca de miolos de fechadura.
- Troca de resistência ou desobstrução de chuveiros.
- Substituição de assentos sanitários.
- Dedetização em caráter preventivo ou corretivo (quando a infestação começa depois da locação).
- Manutenções preditivas de aparelho de ar-condicionado e aquecedores (troca de pilhas, filtros, mangueiras, flexíveis, diafragmas, limpeza, regulagem, etc.).
- Mau funcionamento de descargas, duchas higiênicas, registros, sifões e torneiras.
- Vedação ineficiente de pias, cubas e vasos sanitários.
- Manutenção ou troca de cubas, tanque, pias e outros móveis fixados pois foram projetados para permanecer colados por um longo período de tempo. Se ocorreu uma queda, entendemos que foi por uma sobrecarga que ele tenha sido submetido.
- Pias, ralos, tanques e vasos sanitários entupidos.
- Mau funcionamento e vedação ineficiente de box.
- Manutenção de falha no rejunte de pisos e azulejos.
- Mau funcionamento de tomadas, interruptores e pontos de luz.
- Manutenção de armários e móveis com a funcionalidade comprometida.
- Mau funcionamento de cortinas e persianas.
- Mau funcionamento de portões externos.
- Manutenção de cortinas de vidro.
- Mau funcionamento de interfone.
- Mau funcionamento de maçanetas com dificuldade de abertura e fechamento.
- Mau funcionamento de janelas e portas com dificuldade de abertura, quebradas, estufadas, com vidros faltantes ou trincados.
- Manutenção em pisos com marcas moderadas e profundas de sujidade, riscos profundos e generalizados, quebrados, tacos de madeira soltos e descolando.
- Eletrodomésticos geralmente precisam de manutenção e troca de peças pelo seu uso recorrente ou pela própria deterioração de seus componentes. Manutenções em geral são de responsabilidade de inquilino. Recomendamos que você busque alguma empresa de assistência técnica para avaliar o estado do(s) aparelho(s).

Responsabilidade do proprietário
Problemas provenientes da estrutura e instalações internas que afetam a habitabilidade e/ou colocam em risco a integridade do imóvel e dos moradores e não decorrentes de falta de manutenção:
- Problemas hidráulicos que necessitem quebra de paredes (consertos em tubulações e troca de registros gerais).
- Problema elétrico mais grave, como um problema na fiação, aparelhos eletrônicos sendo queimados com frequência ou problema no quadro de luz, por exemplo.
- Vazamento de gás.
- Problemas em peças de aparelho de ar-condicionado e aquecedores que não são trocadas em manutenções preditivas (placas, sensores, válvulas, condensadoras, unidades de comando, etc.).
- Descupinização, quando iniciada a locação em objetos de madeira do imóvel.
- Estufamento/descolamento de revestimentos em paredes e pisos.
- Problemas em telhados, calhas e troca de caixa d’água.


Dicas para facilitar a resolução do problema:
- Se você conhece um prestador de serviço, aproveite para agilizar o contato com ele e conseguir um orçamento. Caso você não conheça um prestador, peça ajuda a administradora, funcionário ou síndico do condomínio muitas vezes eles podem te ajudar de maneira mais rápida a solucionar os problemas ou até indicar prestadores de sua confiança.
- Se o reparo for de responsabilidade do proprietário, providencie um a dois orçamentos e/ou laudos técnicos para que ele compreenda o problema e os serviços que serão executados e os envie para o WhatsApp (27) 3026-2121.
- Programe-se para que você, um conhecido ou familiar receba os prestadores de serviço no imóvel.
- Se você deseja acordar o desconto, junte a descrição detalhada do problema, fotos, vídeo e comprovantes dos gastos e envie para o WhatsApp (27) 3026-2121.
- Veja nossas indicações de profissionais especializados no final dessa página para avaliar o caso e oferecer uma solução o quanto antes.


O que fazer em caso de reparos emergenciais?
Sabemos que imprevistos acontecem e que a segurança dos moradores e integridade do imóvel deve ser priorizada.
- Cano estourado com risco de alagamento.
- Vazamento de gás com risco de explosão.
- Curto circuito com risco de incêndio ou queima de equipamentos.
Caso você se depare com situações como essas e não consiga contatar nossa equipe a tempo, recomendamos que siga com as providências necessárias peça ajuda a administradora, funcionário ou síndico do condomínio muitas vezes eles podem te ajudar de maneira mais rápida a solucionar os problemas ou até indicar prestadores de sua confiança para sanar o problema sem que gere maiores danos ao imóvel ou terceiros.
Importante: lembre-se de filmar e fotografar o problema antes de resolvê-lo para que possamos explicar ao proprietário o que aconteceu e foi necessário para conter maiores danos.


Fiz um pedido de reparos, e agora?
Como toda locação está sujeita a imprevistos, é comum que sejam necessários reparos no imóvel, no início ou mesmo no decorrer da locação.
Aqui na Cristina Milanez Imóveis temos uma equipe especializada para direcionar a avaliação e resolução desses problemas e aqui você entenderá um pouco mais sobre como funciona nosso fluxo de reparos.
1º Etapa: Avaliação dos reparos.
Após entrar em contato conosco, sua solicitação será recebida e avaliamos as informações passadas para entendermos a responsabilidade de cada uma delas, conforme nossas política completa de responsabilidade pelos reparos.
Lembre-se de que as solicitações devem ser feitas por o WhatsApp (27) 3026-2121 para recebermos o seu pedido mais rapidamente.
Importante: Para agilizar as negociações, você já pode providenciar um orçamento. Caso você não conheça um prestador, peça ajuda a administradora, funcionário ou síndico do condomínio muitas vezes eles podem te ajudar de maneira mais rápida a solucionar os problemas ou até indicar prestadores de sua confiança. Enquanto isso, contatamos o proprietário para verificar se ele possui um prestador também.
2ª Etapa: Negociação.
Após definidos os pontos de responsabilidade do proprietário, aqui é o momento em que acordamos com ele quem realizará os serviços. Apresentamos os orçamentos a ele para aprovação, ou para verificar se indicará um outro prestador para realizar os serviços.
Também indicaremos quais os reparos são de responsabilidade do inquilino, para que você já possa direcionar a resolução desses pontos.
3ª Etapa: Execução.
Com a definição do profissional, é de responsabilidade do inquilino o agendamento com os prestadores para realização dos serviços. Por estar sob posse do imóvel, precisaremos de seu apoio nessa etapa!
Os dados de todos os prestadores que executarão o serviço deverão ser compartilhados com o condomínio no momento do agendamento, por segurança e para que não haja problemas com o acesso ao imóvel na portaria.
O tempo necessário para conclusão do reparo vai variar de acordo com o tipo de serviço em questão. Nesse sentido, é importante que o inquilino procure alinhar junto ao prestador de serviço uma data para início da realização do reparo.
Em casos de serviços cuja execução leve mais de um dia, contamos com o compromisso do prestador de serviço para que faça o possível para concluir os reparos o mais rapidamente possível.
4ª Etapa: Finalização.
Após a conclusão dos reparos, esse é o momento do inquilino confirmar se ocorreu tudo bem e nos enviar comprovantes em nome do proprietário, fotos e vídeo caso tenha sido acordado algum desconto, conforme as nossas regras de reembolso.
Para registro dos serviços finalizados, é importante atentar-se às dicas a seguir:
- Cada item reparado deve ser registrado individualmente, de preferência, mesmo que haja mais de um item no mesmo ambiente.
- Tire fotos e faça vídeos com boa resolução, de ângulos diferentes para que o proprietário tenha uma visualização clara do serviço finalizado.
- Tenha o cuidado de limpar o ambiente após a finalização do serviço e antes de registrar a foto e/ou vídeo.
É importante que os orçamentos e serviços tenham sido acordados previamente com o proprietário para que possamos garantir o desconto.


Quando receberei o desconto acordado com o proprietário conforme as regras de reembolso?
Para receber um desconto no aluguel acordado com o proprietário, o primeiro passo é enviar para a Cristina Milanez Imóveis o comprovante de pagamento em nome do proprietário. O boleto de aluguel em que o desconto será aplicado dependerá da data que o comprovante for enviado.
Comprovantes enviados até o dia 30 do mês
O desconto será aplicado no boleto de aluguel com vencimento no dia 7 do próximo mês.
Exemplo: comprovantes enviados no dia 30/04, desconto aplicado no boleto de aluguel com vencimento em 07/05.


Foram identificados novos reparos que realmente mudam o escopo do serviço. O que fazer?
Caso seja necessário o uso de algum material ou mão de obra além do que ficou definido no orçamento aprovado, o inquilino deverá informar a Cristina Milanez Imóveis e aguardar a aprovação do proprietário antes de seguir com essa alteração, especialmente se isso implicar a mudança do valor orçado inicialmente. É de extrema importância respeitar esse fluxo para que não haja imprevistos na aprovação do serviço finalizado e no pagamento.


Não vi as instruções da Cristina Milanez Imóveis e reparei sem autorização do proprietário: e agora?
A aprovação do proprietário é fundamental para que possamos aplicar qualquer desconto no seu boleto de aluguel.
Como o proprietário não pôde avaliar os valores ou indicar outra solução de sua preferência, a autorização do desconto fica a critério dele.
Se você deseja acordar o desconto, reúna a descrição detalhada do problema, fotos, vídeo e comprovantes dos gastos e envie para o WhatsApp (27) 3026-2121.


Tipos de Reparos
Aquecedor
É natural que o aquecedor apresente alguns problemas durante a locação, que vão desde uma manutenção básica como limpeza, troca de filtros e mangueira (que são de responsabilidade do inquilino), até troca de peças importantes como a placa principal (que são de responsabilidade do proprietário).
Sem água quente no imóvel ou com problemas no aquecedor? Confira nossas dicas.
Sabemos como é frustrante esperar por aquele banho quente e, ao ligar o chuveiro, notar que a água não está esquentando. Se o seu imóvel utiliza aquecedor a gás, aqui você encontra algumas dicas que te ajudarão a resolver o problema.
Quais verificações devo fazer para diagnosticar o problema ou até mesmo saná-lo?
- Cheque se o gás está devidamente ligado e com os registros totalmente abertos.
- Se o seu aparelho não precisa estar conectado à tomada é porque ele utiliza pilhas para acender a centelha. Experimente realizar a troca delas.
- Caso haja um painel digital, observe se ao ligar o aparelho há indicação de erro e qual o código dele. Geralmente, no manual do aparelho (que pode ser encontrado online), existe a recomendação de como proceder para cada código.
Não consegui resolver o problema do aquecedor por conta, e agora?
Após as verificações, caso o problema persista, solicite a avaliação de uma empresa especializada. Se você conhece uma empresa, aproveite para agilizar o contato com ela e conseguir um orçamento. Caso você não conheça uma empresa, peça ajuda a administradora, funcionário ou síndico do condomínio muitas vezes eles podem te ajudar de maneira mais rápida a solucionar os problemas ou até indicar prestadores de sua confiança.
Com a avaliação em mãos, você poderá entender se é necessária apenas uma manutenção, uma troca de peças ou até mesmo a troca do aparelho:
- As manutenções do aquecedor ao longo da locação devem ser feitas pelo inquilino, pois são serviços simples (como troca de filtros, mangueiras, flexíveis ou até regulagem do aparelho) e necessários por conta do uso corriqueiro do equipamento.
- Caso seja necessária a troca de peças como válvulas ou comando eletrônico, ou a troca do equipamento completo, basta nos encaminhar por WhatsApp o laudo técnico e/ou orçamento que o profissional realizou para acordarmos a resolução com o proprietário.

Box
Durante a locação pode ocorrer o escape de água através da junção do box com piso. O motivo pode ser o desgaste natural da vedação entre esses materiais e seu reparo é de simples solução. O problema pode ser sanado com uma breve aplicação de silicone ou massa plástica. Por isso, entendemos que o reparo do box se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.

Chuveiro elétrico
O Chuveiro elétrico é o eletrodoméstico mais utilizado para aquecer a água do banho. Aqui você encontra algumas dicas como agir quando houver um problema.
Meu chuveiro parou de funcionar, e agora?
Mesmo quando os chuveiros estão adequados à rede elétrica, pode acontecer do aparelho parar de funcionar. A primeira ação que o inquilino deve tomar é trocar a resistência do chuveiro.
Essa é uma manutenção simples e as resistências avulsas podem ser encontradas em casas de construção ou até hipermercados, dependendo do modelo. É possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.
Para realizar a manutenção, lembre-se sempre de manter o disjuntor do chuveiro desligado até a finalização do serviço, evitando acidentes! Após realizar a manutenção, deixe a água correr antes de rearmar o disjuntor para que a nova resistência não queime.
Se mesmo com a troca da resistência o problema persistir, recomendamos chamar um eletricista para avaliar o que pode ter ocorrido. Se for detectado um problema elétrico mais grave, como um problema na fiação e/ou problema no quadro de luz, por exemplo, basta nos encaminhar por WhatsApp o laudo técnico e/ou orçamento que o profissional realizou para acordarmos a resolução com o proprietário.
Sentiu cheiro de queimado ou disjuntor está desarmando?
Caso o chuveiro tiver potência maior do que a rede elétrica aguente, é comum sentir odor de plástico queimado ou o disjuntor desarmar. Esse é um alerta de que o aparelho não é adequado para a rede de seu imóvel.
Nesses casos, recomendamos a troca por um chuveiro de menor potência, que seja adequado para os disjuntores e/ou fiação da residência.
Se o problema persistir mesmo com um chuveiro adequado, recomendamos chamar um eletricista para avaliar o que pode ter ocorrido. Se for detectado um problema elétrico mais grave, como um problema na fiação e/ou problema no quadro de luz, por exemplo, basta nos encaminhar por WhatsApp o laudo técnico e/ou orçamento que o profissional realizou para acordarmos a resolução com o proprietário.

Descarga
É comum que o sistema de descarga precise de algum ajuste ou conserto ao longo do uso do imóvel.
Se for caixa acoplada: Dentro da caixa acoplada existe um mecanismo feito de material plástico que precisa ser ajustado ou trocado quando notamos algum problema no fluxo de água. É um item de custo acessível e simples de ser adquirido.
Se for válvula hydra: O botão que apertamos na parede para acionar a descarga é como um registro que controla a passagem de água. Quando notamos um gotejamento na peça ou a passagem de um pouquinho de água quando não deveria, geralmente é preciso fazer a troca de uma peça da válvula chamada “reparo”. É um item de custo acessível e simples de ser adquirido.
Por isso, entendemos que o reparo da descarga se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
A descarga do meu banheiro está com problemas. O que devo fazer?
Existem dois tipos mais comuns de descarga: as com caixa acoplada e as de parede. Veja abaixo quais problemas podem ocorrer com a utilização diária de cada uma delas, indicando que precisam de algum cuidado.
Caixa acoplada
O acionamento da descarga é feito através de um mecanismo, o qual fica dentro de uma caixa cerâmica acoplada à bacia sanitária. Da mesma forma que a válvula hydra, o acionamento diário desgasta alguns elementos desse mecanismo, que pode ser facilmente substituído.
Alguns problemas que podem ajudá-lo a identificar a necessidade de manutenção:
- Descarga sem funcionamento.
- Pouco fluxo de água.
- Vazamento no flexível (cano que liga a caixa acoplada à parede).
O conserto pode envolver procedimentos como:
- Regulagem do mecanismo/kit da caixa acoplada.
- Troca do mecanismo/kit, das peças de vedação ou do flexível.
Válvula Hydra
São aquelas que estão diretamente instaladas na parede. Ao utilizá-la, alguns elementos são desgastados e com o tempo precisarão de manutenção ou troca.
Alguns problemas que podem ajudá-lo a identificar a necessidade de manutenção:
- Vazamento ao acioná-la.
- Vazamento contínuo na válvula, mesmo quando não acionada.
- Vazamento contínuo dentro do vaso (descarga não interrompe a vazão de água).
- Acionamento liberando menos fluxo de água ou uma quantidade em excesso.
O conserto pode envolver procedimentos como:
- Regulagem da descarga.
- Troca do reparo da descarga (peça que regula a saída de água).
- Troca de anéis/elementos de vedação.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.
Ao longo do contrato, o conserto da descarga é uma responsabilidade do inquilino, que deve garantir a preservação do imóvel e evitar danos maiores, os quais podem ser gerados pela falta de manutenção.
Se após a avaliação de um profissional for constatado um problema mais grave, que exija a quebra da parede, por exemplo, entre em contato com a gente através do WhatsApp para te auxiliarmos.

Ducha higiênica
Como esse item é de uso frequente, é natural o desgaste de seus componentes. Muitas vezes o problema está no flexível ou na saída de água, provocando vazamentos. A troca de peças é simples e podem ser encontradas facilmente em lojas de materiais para construção. Por isso, entendemos que o reparo do ducha higiênica se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.

Infiltração (de qualquer origem)
Eventualmente o imóvel pode sofrer algum vazamento interno e imperceptível que, ao longo dos dias, pode se tornar uma infiltração.
Importante: Caso o problema esteja sendo causado por um imóvel vizinho, pedimos que comunique a administradora ou síndico do condomínio para que eles possam avaliar o caso e notificar o imóvel causador do problema.
Meu imóvel está com uma infiltração, e agora?
Infiltração é a passagem de água através de uma superfície, podendo acontecer quando a água escapa das tubulações ou ralos, ou quando consegue passar por frestas existentes na parede ou no piso.
Quais são as principais causas de uma infiltração?
- Falha no rejunte de pisos e/ou paredes.
- Falha na impermeabilização do piso de áreas laváveis.
- Vazamento de ralos ou tubulações que passam dentro de pisos e/ou paredes.
- Fissuras ou outros problemas na fachada externa do prédio.
Quais são os sinais mais comuns de que existe uma infiltração?
- Manchas escuras ou umidade excessiva no teto ou parede.
- Bolhas na pintura.
- Gotejamento no teto ou parede.
Qual a origem da infiltração e os primeiros passos para resolvê-la?

Sinal de infiltração

Origem provável

Primeiros passos

Teto do seu imóvel 

No imóvel de cima 

 Procure a administradora ou síndico do condomínio para que acionem o vizinho de cima.

Teto do imóvel de baixo 

 No seu imóvel

 Questione o ambiente que está sendo afetado no imóvel vizinho.

Observe se existe um vazamento aparente no seu imóvel e/ou falhas no rejunte.
 Paredes internas do seu imóvelNo seu imóvel  Verifique se a parede faz divisa com banheiro, cozinha ou área de serviço.

Observe se existe um vazamento aparente no seu imóvel e/ou falhas no rejunte.
Paredes externas do seu imóvel Na fachada do prédio Procure a administradora ou síndico do condomínio para que investiguem a origem. 

Depois de realizar essas verificações e conversar com os responsáveis no condomínio, entre em contato com a gente através do WhatsApp para te auxiliarmos, com as informações coletadas para acompanhamento da situação. Fotos e vídeos também ajudam bastante no entendimento.
A infiltração é um problema de caráter estrutural, sendo responsabilidade do proprietário o conserto. Vale lembrar que o inquilino passa a ser responsável se houver agravamento por falta de comunicação do problema ou negligência. Além disso, manutenções que não envolvam a quebra de piso e/ou parede, como uma simples aplicação de rejunte, também devem ser realizadas pelo inquilino.

A manutenção de rejunte e sua importância
Rejunte é o material utilizado para preencher o espaço entre as peças cerâmicas de seu banheiro, cozinha, área de serviço, por exemplo.
Além de possibilitar um aspecto visual, o rejunte não é importante apenas para o acabamento mas tem importante função para auxiliar na impermeabilização das laterais das cerâmicas, por isso fique atento sobre as condições do rejunte.
Essa é uma manutenção essencial que o inquilino deve realizar para permitir a preservação do piso. As falhas nos rejuntes podem gerar infiltrações, portanto fique atento para as condições.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.
Os materiais necessários podem ser encontrados em lojas de construção. Além dos acessórios, é importante que a escolha do tipo de rejunte seja adequada para a área que ele será aplicado:

Local de aplicação

 Material do rejunte

Área seca (como sala ou quartos)

Cimentício

Área úmida (banheiro, cozinha ou área de serviço)

Acrílico

Área molhada

Epóxi









Quando devo realizar essa manutenção?
Sempre que notar falhas nos rejuntes é importante que realize a manutenção. É comum que haja o desgaste com o uso do dia-a-dia dos ambientes e também por conta da utilização de produtos de limpeza nas faxinas.
Em alguns casos, onde o piso apresenta falhas e/ou desgaste em diversos pontos, vale a renovação de todo rejunte do ambiente.

Pia
É natural que ao longo da locação as vedações de partes úmidas da pia se desgastem e percam sua função. Geralmente a massa plástica que veda suas extremidades podem estar rachadas ou soltas, provocando vazamentos e risco de queda. Para sanar o problema uma simples aplicação de silicone próprio pode ajudar a vedar as partes essas atingida por ressecamentos. Por isso, entendemos que o reparo do pia se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.

Registro Geral
Eventualmente podem acontecer ao longo da locação alguns vazamentos no registro geral, provocados por diferentes motivos. Aqueles que se faz necessária a quebra de paredes para resolver o problema são de responsabilidade do proprietário, já os que são diagnosticados como uma troca de reparo simples, ou peças que ficam na parte externa da parede, são de responsabilidade do inquilino.
Vazamento no registro ou chuveiro e/ou torneira continua pingando mesmo fechado?
Registros são os responsáveis por permitir, bloquear e/ou regular a quantidade de água que passa em alguns trechos da tubulação. Eles estão presentes dentro do box, no banheiro, na área de serviço e/ou cozinha.
O registro geral é utilizado para bloquear a água de um ambiente ou mesmo de todo o imóvel para permitir manutenções. Já os demais registros, controlam a alimentação de água para saídas específicas, como chuveiros e torneiras, por exemplo.
Quais os problemas mais comuns em registros?
Com a utilização é comum que os registros sofram desgastes e apareçam alguns problemas, sendo os mais comuns são:
- Vazamento no próprio registro.
- Água pingando do chuveiro e/ou torneira mesmo quando o registro está fechado.
- Registro espanado e ou manopla solta.
O que fazer para resolver?
Na maioria dos casos os problemas são resolvidos com a troca de uma peça chamada “reparo”. O reparo dos registros e torneiras é um elemento feito para facilitar a manutenção evitando a necessidade de quebra de parede. É uma peça de baixo custo e encontrada habitualmente em casas de construção.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.
Ao longo do contrato, o conserto dos registros e torneiras é uma responsabilidade do inquilino, que deve garantir a preservação do imóvel e evitar danos maiores, os quais podem ser gerados pela falta de manutenção.
Se após a avaliação de um profissional for constatado um problema mais grave, que exija a quebra da parede, por exemplo, entre em contato com a gente através do WhatsApp para te auxiliarmos.

Sifão
É comum que o sifão precise ser ajustado ou até mesmo substituído ao longo do uso do imóvel. São peças de manutenção simples, com valores acessíveis e que podem ser encontradas em pequenas lojas de materiais de construção. Por isso, entendemos que o reparo do sifão se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
O sifão está vazando. Como posso consertá-lo?
O sifão é um cano que leva a água utilizada nas pias e tanques até a rede de esgoto. Por conta do uso frequente do sifão, é comum que apareçam vazamentos que demandem ajustes ou até mesmo a substituição da peça.
A manutenção é super simples e pode evitar problemas como:
- Entupimento por conta de acúmulo de resíduos (como restos de comida).
- Vazamento nas conexões do sifão por conta de problemas no encaixe.
- Vazamento por conta de fissuras no sifão, geradas pelo ressecamento ou desgaste da peça.
- Retorno de odores da tubulação.
Como fazer a manutenção dos sifões de plástico?
Verifique se o encaixe está adequado, permitindo a vedação nas conexões. Caso não esteja, basta fazer o encaixe manualmente e, se necessário, reforçar com fita veda rosca.
Em caso de fissuras no sifão, recomendamos a substituição da peça por uma nova (encontrada em casas de construção).
Como fazer a manutenção dos sifões metálicos?
Verifique se o encaixe está adequado, permitindo a vedação nas conexões. Caso não esteja, basta fazer o encaixe manualmente e, se necessário, reforçar com fita veda rosca.
O sifão metálico costuma ter uma vida útil maior que o de plástico, necessitando substiuições menos frequentes, já que é possível limpá-lo apenas desrosqueando o copo e encaixando-o novamente.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.
Ao longo do contrato, o conserto do sifão é uma responsabilidade do inquilino, que deve garantir a preservação do imóvel e evitar danos maiores, os quais podem ser gerados pela falta de manutenção.

Torneira
É comum que torneiras precisem ser consertadas ou até mesmo substituídas ao longo do uso do imóvel. Isso acontece porque suas peças internas desgastam com o uso, e muitas vezes é preciso apenas um ajuste no encaixe da torneira ou a troca da borrachinha que ajuda a impedir a passagem de água quando fechamos o registro, por exemplo. Por isso, entendemos que o reparo da torneira se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.

Vaso sanitário
É normal que ao longo locação ocorram alguns vazamentos que envolvem a bacia sanitária, devido ao desgaste natural na vedação da base do vaso sanitário ou do flexível. Por isso, entendemos que o reparo do vaso sanitário se enquadra na manutenção rotineira do imóvel, que é de responsabilidade do inquilino.
Vazamento na base do vaso sanitário?
Sabemos como é chato quando há um vazamento na base do vaso sanitário e aqui você entenderá um pouco mais sobre o problema e como resolvê-lo!
O vazamento na base da privada costuma ocorrer por conta do desgaste de uma peça chamada Anel de Vedação. Esse anel é responsável por guiar o conteúdo da descarga do vaso à rede de esgoto.
Por se tratar de um elemento que se desgasta com o uso diário, essa é uma manutenção que deve ser providenciada pelos inquilinos.
Como resolver esse problema?
Para resolver o problema, muitas pessoas apenas passam rejunte em volta do vaso, contendo o vazamento de forma paliativa. Entretanto, essa não é uma solução definitiva e pode trazer problemas ainda maiores como infiltrações!
Os materiais necessários podem ser encontrados em lojas de construção. Além dos acessórios, é importante que a escolha do anel de vedação seja adequada para o modelo da sua bacia.
Por se tratar de um reparo simples, é possível que o funcionário do condomínio consiga ajudar. Caso ele não consiga e você precise de suporte, confira aqui nossas indicações de prestadores de serviços.


Indicações de prestadores de serviços
Na Cristina Milanez Imóveis contamos com uma equipe dedicada ao relacionamento com prestadores de serviço parceiros. A partir de indicações na nossa própria base de clientes, prospectamos empresas especializadas em manutenção e acompanhamos o desempenho delas no atendimento aos imóveis alugados com a gente. 
Nesta página, você encontrará os contatos desses profissionais para que tenha tranquilidade na contratação de serviço referente a reparo para o seu imóvel.
Como solicitar seu orçamento
Informe que é um cliente da Cristina Milanez Imóveis e peça que o orçamento seja enviado diretamente para você.

Serviços Gerais (alvenaria, elétrica, hidráulica, pintura, entre outros)
Anselmo de Lira (27) 99628-4475
Edmilson (27) 99923-5083
Gustavo (27) 99871-0041
Léo Resolve (27) 99734-6846
Marcio Reparalar (27) 99825-5678
Roberto das Neves (27) 99506-0019

Alvenaria
Nilson (27) 99855-5085

Aparelho de ar-condicionado
Alexdre (27) 99895-8745
Eduardo (27) 99774-1004
George (27) 99687-1193
Jocelho (27) 99795-4507

Aquecedor
Armação (27) 99995-3261
Chama (27) 3219-4349
Edson (27) 98812-2745

Armário
Florense (27) 3235-1964
Romanzza (27) 3026-2611
Todeschini (27) 2142-8680

Chaveiro
Jardim Camburi - Igor (27) 99858-3284
Jardim Camburi - Camburi (27) 99582-6014
Jardim da Penha - 24h (27) 99857-7197
Jardim da Penha - Beatriz (27) 98862-3209
Jardim da Penha - Jardins (27) 99783-6459
Jardim da Penha - Júnior (27) 99891-3220
Jardim da Penha - Murilo (27) 99654-7547
Jardim da Penha - Ramos (27) 99923-1966
Jardim da Penha - Rua da Lama (27) 99745-2979
Jardim da Penha - Shopping (27) 99965-2621
Jardim da Penha - SOS (27) 98119-8349
Praia do Canto - Alemão (27) 99999-3075
Praia do Canto - Centro da Praia (27) 99711-3569
Praia do Canto - Fernando (27) 99971-8409

Cortina
Amarildo (27) 99962-3735
Kama Brasileira (27) 99942-4128

Dedetização
AJP (27) 99243-4477
Garantia (27) 99922-3616
WK (27) 99851-2406

Desentupimentos
SOS (27) 98119-8349

Elétrica
Octávio (27) 99962-2910
Jean (27) 99734-4211
Júnior (27) 99660-1135
SOS (27) 98119-8349
William (27) 99626-3646

Eletrodomésticos
SOS (27) 98119-8349

Fechamento de varanda
Metazil (27) 3399-3200
Léo Resolve (27) 99734-6846

Hidráulica
Gledson (27) 99766-4859
Octávio (27) 99962-2910
Júnior (27) 99998-3822
Rodrigo (27) 99882-7105
SOS (27) 98119-8349

Portão Eletrônico e Interfone
SOS (27) 98119-8349

Varal
Casa do Varal (27) 3225-1583
Rei do Varal (27) 3327-0714

Vidraçaria
Adeneir (27) 99614-7610
Fhelipe Leonardo (27) 99935-8598
Júnior (27) 99880-3651
Léo Resolve (27) 99734-6846

ou

GetNinjas
O maior site de contratação de serviços do Brasil. Conheça agora! https://www.getninjas.com.br
O GetNinjas conecta quem precisa, com quem sabe fazer. São profissionais cadastrados em vários tipos de serviços.
Lembre-se: Os profissionais cadastrados no GetNinjas são autônomos. Para escolher o prestador ideal para realizar o seu serviço, peça a ele referências dos serviços anteriores.


Quais os requisitos para contratar um prestador de serviço?
- Trabalhar com emissão de nota fiscal, contrato ou recibo para todos os serviços realizados pois deixam a contratação ainda mais segura;
- Oferecer garantia do serviço por pelo menos três meses;
- Não cobrar visita técnica;
- Trabalhar com orçamento via fotos e vídeos;
- Enviar orçamentos que apresentem os valores de materiais e mão de obra separadamente;
- Trabalhar com acompanhamento diário de WhatsApp.